Como se livrar de um vampiro apaixonado-Livro

Como Se Livrar de Um Vampiro Apaixonado
Jessica Packwood levava uma vida tranquila no interior da Pensilvânia e esperava ansiosamente pelo último ano de escola. Seus planos era ganhar as olimpíadas de matemática e trocar beijos "legais" com seu colega Jake Zinn.
Toda sua vida se transforma quando um aluno novo (e muito gato) aparece do nada, dizendo que Jessica pertence a realeza vampírica e que ele está prometida em casamento a ele, Lucius Vladescu.
Para completar, Lucius fica hospedado na casa dela e faz de tudo para conquista-lá.


Minha Opinião 

É um livro muito empolgante! Do inicio até mais ou menos a metade do livro, ele é mais descontraído e engraçado. Um vampiro arrogante, mais engraçado, tentando conquistar uma garota que só quer despista-lo promove situações bem divertidas e diálogos inteligentes.
Do meio para o fim, quando os papéis se invertem (Jessica percebe que ama Lucius, mais Lucius não pretende mais casar com ela) o livro se torna mais dramático e um pouco cansativo, mais as surpresas e revelações dessa parte fazem com que você não consiga parar de ler.


Ponto Positivos

Acho que esse livro não caiu na mesmice dos livros de vampiros de atualmente. Ele tem uma história diferente das outras e muitas surpresas pelo meio da história, o que deixa o leitor muuuuuito curioso.


Pontos Negativos

Acho que a autora pecou na transformação de Jessica Packwood (uma garota americana, sem nenhuma auto-estima) em Antanasia Dragomir (princesa vampira totalmente auto-confiante).
A impressão que dá é você começa o livro com uma personagem e, de repente, ela se transforma em uma outra personagem completamente diferente. Tipo, do nada.

Conclusão

Muito bom! Com certeza vai te deixar com D.P.L.(Depressão Pós-Livro)




"Como se dar bem na Escola é mais uma série do Blog Desocupada Forever que visa dar utilidade a essa merda ajudar alunos desesperados por aí, fornecendo informações, ajuda psicológica e lógico, cola discarada de uma garota que já esteve em 7 escolas diferente e em 2 dois estados distintos. Créditos a minha querida mãe, que teve a ideia da série e me apóia em tudo o que eu faço."

2 comentários:

Rachel Lima disse...

hm, parece divertido, quero muito ler *-*

૮α૨ѳℓ disse...

Rachel Lima: É um livro muito bom, vale a pena dar uma chance, apesar de já estarmos saturadas de histórias de vampiros...